4 livros grátis no kindle unlimited

Eu resisti muito a comprar um kindle. Eu já tinha um iPad, portanto, lia pelo aplicativo, e sempre gostei do meu relacionamento com o livro de papel. Mas todas as pessoas em cuja opinião eu confiava, me incentivaram a ter. Comprei numa promoção qualquer, dois anos atrás.

Logo de cara, adorei a ideia de poder ter muitos livros para viajar, ocupando o espaço de menos de um. Vasculhei o que era oferecido na loja, o que era grátis, e comprei umas poucas coisas. Baixei infinitas amostras, que é a coisa mais legal: você pega um pouco do livro, e só compra se gostar do que leu.

Foi assim que eu consegui abandonar uma boa quantidade de besteiras, sem o peso de “comprei o livro, mas não terminei”.

james-tarbotton-gm18kqu9TxQ-unsplash
Photo by James Tarbotton on Unsplash

 

Anos depois, na mesma pegada de promoções, assinei por 30 dias grátis o kindle unlimited, para ver o que se aproveitava. De início, não gostei de muita coisa, mas agora, tem melhorado muito a oferta.

Nesse plano, você pega o livro “emprestado”, até 10 por vez. Não sei por quanto tempo, pois eu confesso que leio e devolvo, sempre tudo muito rápido. Já achei coisas ruins, mas também achei coisas ótimas. Vou listar o que encontrei recentemente e gostei:

1 – Em Busca da Cura, Marcus Farh Pessoa – é um relato do ex-marido da Laura Pires, especialista em ayurveda. Ele a levou para a Índia, no tratamento de esclerose múltipla que permitiu a remissão da doença no caso dela. É um relato lindíssimo, com descrição do hospital, dos métodos utilizados, de aspectos culturais da Índia e sua filosofia de saúde e doença. Todas as noites, releio algumas passagens antes de dormir;

2 – Orgulho e Preconceito, Jane Austen – sabe aquele livro que “a pessoa que você quer se tornar” precisa ler? Então. Jane Austen era alguém cuja obra eu queria conhecer, porém não encontrava nunca um tempo pra isso. A história das meninas Bennet (são todas irmãs solteiras no interior da Inglaterra), os costumes da época sobre casamento, família, relacionamentos e dinheiro são descritos com muita precisão. Os diálogos são muito menos interessantes do que as reflexões que a personagem principal vai nos apresentando. Em tempos de quarentena, é bonito ler sobre um tempo em que o prazer e as distrações da vida humana era visitar uma tia, passear com os parentes, conversar. Eu, pelo menos, achei inspirador;

3 – Vulgo Grace, Margaret Atwood – sei que essa autora está muito em alta por uma outra obra. Mas esse livro é gratuito pelo aplicativo, e foi uma grata surpresa! A história de Grace, uma mocinha que cumpre pena no interior do Canadá por um crime que nunca foi comprovado que cometeu, é inteira descrita nesse livro. Em grande parte, pela ótica do médico psiquiatra que tenta conseguir a sua libertação, que transcreve os relatos dela. É assim que conhecemos o jeito de Grace pensar, sentir e o quão a sua vida é diminuída pela sua posição. É um tapa na cara imenso sobre o trabalho doméstico, sobre a escravidão, sobre privilégios de classe e caridade. Isso tudo, numa história muito cheia de suspense, baseada em fatos reais, e cuja verdade até hoje não se revelou!;

4 – O Urso e o Rouxinol, Katherine Arden – é uma história muito bonita e meio fantástica sobre bruxaria, pequenos seres mágicos que viviam na floresta russa e que ajudavam os camponeses a sobreviver. Uma menininha nasce, mas a mãe dela morre no parto. Ela tem habilidades diferentes, e é muito reprimida pelos familiares, mas a vida dela vira um inferno mesmo quando um padre resolve usa-la de exemplo para toda a comunidade. Ele passa a desprezar as antigas sabedorias populares, criticar as oferendas que os moradores deixavam para os “guardiões” da floresta, da casa e dos estábulos, e esses seres se vingam! É uma história infanto-juvenil, uma gracinha mesmo.

Tem muito mais coisas escondidas por ali, que eu vou catando, lendo rapidamente, devolvendo. Conforme eu fui usando mais, eu também fui tendo sugestões maneiras, que estão mais ou menos próximas das últimas leituras.

Eu queria muito ter mais gente pra trocar figurinha comigo, porque me sinto mesmo bem solitária lendo!

Você por acaso tem lido o que?

 

🙂

 

 

2 comentários em “4 livros grátis no kindle unlimited

  1. Olá, bom dia!
    Me chamo Alessandra.
    Gostaria de uma ajuda a respeito do Kindle unlimited.
    Fiz a assinatura a pouco tempo peguei os 10 livros já os li.
    Agora vem minha dúvida vou devolver, ele tem uma forma de me deixar marcado o nome dos livros que já li ?
    Ou devolvi já era …. não fica gravado pra mim. E daí daqui um tempo corro o risco de tipo esquecer o título e pegar de novo o mesmo livro ?

    Curtir

    1. Oi Alessandra! Isso mesmo, você empresta, e quando devolve, o livro não fica mais disponível para ler. Além disso, é como se fosse um Netflix de livros, hehehe, então, se vocÊ gostou muito de um livro e quer ter ele sempre, o ideal é comprar depois, porque podem tirar ele da linha “unlimited”, e você não poder emprestar daqui a algum tempo… Os livros ficam na sua lista do kindle unlimited, os que você já emprestou, devolveu, está com vc, etc. Beijos!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s