Corridas do Bem SESI – meu resultado

B238B25D-484B-48AE-8ED1-440FC1A815FB

Na hora em que largamos, todo mundo correndo, o silêncio era ensurdecedor na pista. Todos nós, centenas de pessoas, estávamos silenciosamente correndo, aquele som único dos tênis batendo no asfalto, todos os olhos para a frente. O narrador, a música e as conversas haviam ficado para trás.

Nesse momento, me senti grata, leve, feliz por ter me proposto a estar ali. Centenas de metros depois, já me sentia desconfortável, desacelerando. Mas indo em frente. Lá pela metade do percurso, a vontade era de ir embora. Mas só tinha um jeito de ir embora: pelo caminho completo. As pessoas têm razão quando dizem que o esporte imita a vida.

Meu trabalho é afiliado (sei lá como diz?) ao SESI, por isso, podemos usar os serviços deles. Isso inclui as competições e jogos, e é uma das coisas que o povo mais participa, vários times de modalidades, e agora, de uns anos pra cá, as corridas.

Isso significa que não pagamos pra nos inscrever, e por isso, anos atrás, fui pela primeira vez e adorei. Sério, correr prova é divertido demais. Todo mundo te aplaude (as pessoas passando), o narrador é muito empolgado, você ganha medalha, camiseta, lanchos… É muito legal! É tudo feito pra você se sentir um vencedor mesmo, só por ir.

Eu me inscrevi uns meses atrás, e pensei “que ótimo, tenho tempo, estarei ótima até o dia da prova”… E como não podia deixar de ser, nessa de “tenho tempo”, o tempo passou sem que eu tivesse me preparado minimamente.

Então, faltando cerca de 2 meses para a prova efetivamente, eu resolvi monitorar melhor meus treinos, meus tempos, e tudo. Cheguei a comentar sobre isso, nesse post onde falei das minhas tentativas de foco.

O plano era simples: todos os dias, o objetivo era ir lá treinar. Subir na esteira, e andar até sentir que poderia correr. Minha meta era gradativamente ir ficando mais tempo na esteira, ou ir reduzindo o meu pace (que é como chamam o seu ritmo médio).

A meta inicial era 20min de esteira, rumo aos 30min. Ou 5km, o que viesse primeiro. Aí, eu batia uma fotinho do tempo e da quilometragem, e passava a limpo para o meu planner. A meta era ir reduzindo o tempo e aumentando a quilometragem.

IMG_3521
18 treinos em 62 dias, tenho muito o que melhorar

Nas semanas em que eu conseguia ir com consistência, rapidamente eu ia vendo o meu condicionamento aumentar. Eu ia alargando o tempo em que corria, aumentando a velocidade, até o caminhar era mais rápido. Depois de um tempo sem ir, já logo enxergava o contrário: cada pequeno tirinho me doía os pulmões e ardia a canela, principalmente a esquerda.

Na semana passada, véspera da prova, o que eu deveria ter feito? Treinos diários, muito empenho, foco e concentração. O que eu fiz? Zero treinos, uma festa na noite anterior, noite maldormida de véspera.

Então domingo o sol nasceu brilhando forte, coloquei minha roupinha e fui. Engraçado que tudo dói bem no dia de correr: aquele cantinho do mindinho que nunca incomodou, o joelho. Eu nunca tive problemas no joelho.

Na hora da largada, foi aquela emoção. O sol de 8h da manhã já batia a pino, bem nas minhas costas. Eu suava antes mesmo de começar. Depois, dei o primeiro tiro, e larguei até onde fui capaz. Não muito, mas fui até o pulmão arder. As pernas falharam antes dos pulmões.

Fui caminhando a maior parte do trajeto, dando alguns tiros mais rápidos, quando sentia que podia. Meu tempo total ficou em 39min, o que achei aceitável, considerando a falta de preparo.

No quilômetro final, anunciado pelas plaquinhas, você começa a olhar o semáforo, as listras no chão, e faz negociações internas: será que se eu der um tiro forte agora, chego no mesmo pace lá na linha? Ou será que é melhor eu me poupar, pra não ser humilhada publicamente e correr só lá pertinho?

Atravessei a linha correndo, sorrindo e com o rosto franzido pelo sol. Tomei água, não quis as frutas. Dei uma volta perto do mar, tomei um vento que secou o suor, e olhei o relógio da rua: não eram nem 9h da manhã.

Você sai de uma prova de corrida pensando que pode fazer tudo!

Um comentário em “Corridas do Bem SESI – meu resultado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s